A verba, que já está disponível no Fundo Municipal de Saúde da Prefeitura, será utilizada para o custeio de procedimentos referentes à atenção básica de saúde
A verba, que já está disponível no Fundo Municipal de Saúde da Prefeitura, será utilizada para o custeio de procedimentos referentes à atenção básica de saúde

São Paulo (SP) – Por indicação do deputado federal Marcelo Squassoni (PRB-SP), o setor de saúde do município de Patrocínio Paulista, no interior de São Paulo, acaba de receber o incremento de R$ 250 mil. A verba será utilizada para o custeio de procedimentos referentes à atenção básica de saúde na cidade.

O recurso, que corresponde ao Orçamento da União de 2017, havia sido empenhado (reservado para pagamento) pelo governo federal no final de julho deste ano e já está disponível no Fundo Municipal de Saúde da Prefeitura.

Na última quarta-feira (18), o prefeito do município, Dr José Mauro Barcellos, esteve no gabinete de Squassoni, em Brasília, para agradecer pela verba destinada para a cidade. “Essa é uma importante emenda do deputado Squassoni que vai promover melhorias na saúde do nosso município. Em tempos de recursos escassos, é um reforço muito relevante”, destacou Barcellos.

Entre as despesas consideradas de atenção básica estão incluídos medicamentos, material radiológico, material de laboratório, material de limpeza, roupas de cama e oxigênio, além das referentes a consultas médicas, atendimento odontológico, atendimento domiciliar, atividades educativas, vacinação e pronto-atendimento em Unidade Básica de Saúde, entre outros itens.

Prioridade

Além de Patrocínio Paulista, outras sete cidades do interior paulista tiveram recursos provenientes de emendas indicadas por Squassoni liberados pelo Ministério da Saúde no final de agosto. Itapevi, Fernando Prestes, Angatuba, São Carlos, Itaju, Bernardino de Campos e Ipaussu também já podem contar com reforço orçamentário no setor.

No total, o governo federal empenhou R$ 7,2 milhões em indicações de emendas parlamentares do deputado federal Marcelo Squassoni referentes a 2017. Deste valor, R$ 1,95 milhões já foram pagos aos governos municipais. A maior parte dos recursos foram destinados para a saúde.

“Saúde é direito básico e essencial, por isso é a nossa prioridade, tanto que sempre privilegiamos a destinação de emendas parlamentares para o setor”, ressaltou o deputado Marcelo Squassoni.

Texto e foto: Ascom deputado federal Marcelo Squassoni

Posts Relacionados