Iniciativa do deputado estadual Sebastião Santos visa preservar a espécie do peixe dourado e repovoar os peixes nos rios do estado
Iniciativa do deputado estadual Sebastião Santos visa preservar a espécie do peixe dourado e repovoar os peixes nos rios do estado

São Paulo (SP) – A pesca do peixe dourado poderá ficar proibida por três anos em São Paulo. É o que prevê um projeto aprovado na Assembleia Legislativa em dezembro.

O deputado estadual Sebastião Santos (PRB-SP) é o autor da iniciativa, que tem o intuito de preservar a espécie e repovoar os peixes nos rios do estado. “Trata-se de um peixe muito apreciado pelos brasileiros devido ao excelente sabor, além de ser um dos preferidos pelos praticantes de pesca esportiva. O que acontece é a situação de escassez dos seus cardumes”, declarou.

A pesca esportiva se dá pela devolução do peixe à água. Em água doce, a chance de sobrevivência do peixe solto é maior do que na água salgada. Segundo o parlamentar, o projeto ajudará na preservação da espécie. “O dourado poderá ser preservado e certamente a liberação da espécie para “pesque e solte” fomentará o turismo de pesca esportiva”, disse.

O Projeto de Lei 632/2017 acrescenta o inciso IX ao artigo 14 da Lei 11.165/2002, que institui o Código de Pesca e Aquicultura do Estado.

Texto e foto: Alesp

Posts Relacionados