Aildo Rodrigues comandou reunião de ontem: Observatório avança
Aildo Rodrigues comandou reunião de ontem: Observatório avança

O Observatório Republicano de Gestão do PRB paulista definiu na noite de ontem (18) que o primeiro passo do órgão será acompanhar a administração do município de São Paulo. Formado por 13 pessoas e liderado pelo presidente nacional do partido, Marcos Pereira, o grupo tem em mãos o Plano de Metas do governo do prefeito Fernando Haddad, que será minuciosamente avaliado.

Embora seja iniciado com foco na capital, o objetivo do Observatório é acompanhar também as gestões estadual e federal. Conforme anunciado em sua criação, o órgão terá viés primordialmente propositivo e construtivo. “Formamos uma equipe com profissionais de várias áreas capaz de avaliar as gestões públicas, discutir e apresentar propostas que resultem na melhoria do serviço prestado à população”, disse Pereira.

O grupo deve contratar uma ampla pesquisa para diagnosticar a situação administrativa e política do estado. Setores como transporte público, saúde e educação, que motivaram protestos por todo o Brasil no último mês, são sem dúvida os principais gargalos das gestões. “Para saber o que vamos propor, é preciso conhecer a verdadeira condição das cidades”, defendeu Ana Júlia Cardoso, empresária do setor ambiental.

O Observatório Republicano terá um espaço no site municipal do PRB que está em fase de construção. Todos os apontamentos dos temas discutidos serão publicados na página. “O que levou a população às ruas não foi necessariamente uma questão pontual, mas o descumprimento de promessas de campanha”, destacou Aildo Rodrigues, presidente do PRB paulistano. Haddad já negou boa parte dos compromissos firmados em em sua propaganda eleitoral, em 2012.

Além de Pereira, Ana Júlia e Rodrigues, fazem parte do grupo: Vinicius Carvalho (advogado, vice-presidente estadual do PRB); Dr. Eduardo César Leite (advogado, criminólogo); Antônio Carlos Teixeira (consultor); Diego Polachini (jornalista, coordenador de comunicação do PRB paulista); Marcus Deois (publicitário); Dr. Paulo André (sanitarista, coordenador nacional do PRB Saúde); Juliana Uchoa (gestora de recursos humanos); Dr. Jair Moraes (advogado), Carlos Alberto Joaquim (relações públicas, gestor de projetos, pós-graduado em Gerência de Cidades). Outros nomes devem ser incorporados.

Diego Polachini – Coord. Com. PRB/SP

Posts Relacionados