Procuradorias da mulher terão por objetivo ampliar a rede de proteção feminina em todo o estado de São Paulo
Procuradorias da mulher terão por objetivo ampliar a rede de proteção feminina em todo o estado de São Paulo

São Paulo (SP) – Para ampliar a rede de proteção feminina, a deputada federal Maria Rosas (PRB-SP) solicitou aos vereadores das câmaras municipais do estado de São Paulo a criação de órgãos em defesa da mulher. “A criação dessas procuradorias busca combater a violência e a discriminação contra as mulheres em nossa sociedade, garantir maior representatividade política e fortalecer os papéis do Legislativo de debater, legislar e fiscalizar”, esclareceu a deputada.

Em São Paulo, são 645 municípios. A Procuradoria da Mulher existe desde 21 de maio de 2009 e tem a missão de receber e encaminhar aos órgãos competentes as denúncias e anseios da população feminina, acompanhar a discussão e execução de políticas públicas que venham garantir e ampliar os direitos das mulheres no Brasil.

“Queremos que todos tenham procuradorias especiais para este público. Atuando localmente, as procuradorias potencializarão o trabalho de encaminhamento de denúncias que já é realizado em âmbito federal pela Procuradoria da Câmara dos Deputados, formando uma rede nacional de defesa e fortalecimento do direito das mulheres”, frisou.

Maria Rosas apontou, ainda, que muitas atividades podem ser desenvolvidas pelas procuradorias, como seminários periódicos para discussão de temas por meio de audiências públicas, debates, encontros com autoridades do Poder Executivo e Judiciário, além da realização de cursos de formação, exposições e atividades alusivas ao fim da violência doméstica e às datas comemorativas como o “Outubro Rosa” e o ”Dia Internacional da Mulher”.

Texto e foto: Ascom – deputada federal Mara Rosas

Posts Relacionados